h1

XXXIV

Fevereiro 26, 2007

 

Matteo Cigogna, jovem escritor com uma novela e um romance publicados, o último dos quais com sucesso mediano, discutia entediadamente com o seu editor.

– Repito que é essa a frase que eu quero, assim mesmo, sem tirar nem pôr. Não vê que é esplêndida?

– Olhe-se bem para uma sardinha. Olhe-se bem para uma sardinha… – repetia o editor – Isto é lá frase para começar um romance! Já pensou nos leitores que uma frase destas afasta?

– É brilhante. Bri-lhan-te. É o melhor início de romance que se pode imaginar.

– E, depois, isto: Olhe-se e, por uma vez, veja-se a sardinha, demoradamente, atenciosamente, como nunca… Você acha que alguém quer ler isto?

– Isto, como diz, é precisamente o que eu quero escrever.

– Mas você quer contar a história da tal Sara, ou quer escrever um manual de pesca?

– Se ler com atenção verá que, adiante, é Sara que pensa que nunca alguém olhou verdadeiramente para si. É ela que faz a comparação, a imagem é dela: “uma espécie de sardinha”.

– E que espécie de mulher se sente sardinha?, pergunto eu. – os olhos do editor trespassavam o corpo mole do escritor – Além do mais, depois de um início desses, ninguém chega a ler essa tal parte, desistem antes, não chegam a comprar o livro.

– Eu gosto da frase, acho que desperta a curiosidade, uma pess…

-Olhe-se bem para uma sardinha. Olhe-se bem para uma sardinha. Olhe-se bem… e esta coisa do atenciosamente, blá, blá, blá, e por aí fora. Ó homem, tenha paciência! Mude lá a porcaria do princípio, risque-o, faça o que quiser, mas arranje-me outro princípio, arranje, de preferência, um princípio que seja bom.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: